Capa da Página Doenças Sexualmente Transmissíveis aumentam entre os jovens pará-minenses - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 20º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

19/07/2019 às 09:00h

Doenças Sexualmente Transmissíveis aumentam entre os jovens pará-minenses

Facebook

Os números alertam: o uso da camisinha entre os jovens no Brasil voltou a cair. Nos últimos anos, o crescimento das doenças sexualmente transmissíveis alcançou níveis preocupantes e revela que a juventude vai na contramão da utilização do preservativo.

Dados recentes do Ministério da Saúde apontam que 40 mil novos casos de doenças sexualmente transmissíveis (DST), como Aids, sífilis e hepatite, são diagnosticados por ano no País

Em Pará de Minas, os casos de doenças sexualmente transmissíveis também vem aumentando entre os jovens, pois muitos não tem o hábito de usar o preservativo na hora da prática sexual.

O uso da camisinha (masculina ou feminina) em todas as relações sexuais é o método mais eficaz para evitar a transmissão das DST, do HIV/aids e das hepatites virais B e C. Serve também para evitar a gravidez.

A reportagem do Jornal da Cidade foi até algumas farmácias da cidade que comprovaram o aumento das buscas pelos medicamentos para tratamento das DST’s. A farmacêutica Débora Lazara confirma o aumento da demanda:

Clique e ouça Débora Lázara

Débora Lázara também falou a respeito da pílula do dia seguinte:

Clique e ouça Débora Lázara

Nossa reportagem também conversou com o médico ginecologista Ênio Talma Ferreira de Rezende. Ele confirma o aumento das DST’s entre os jovens pará-minenses:

Clique e ouça Ênio Talma

As consequências de algumas destas doenças podem ser drásticas, inclusive levando a óbito.

Outras são passíveis de prevenção com vacina disponível em postos de saúde, caso do HPV, e o uso sempre da camisinha, que pode ser retirada gratuitamente nas unidades de saúde.

Por Igor Araújo


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: