Capa da Página População reage negativamente à proposta de Elias Diniz em reajustar impostos municipais - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 18º MIN 28º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

11/09/2017 às 10:03h

População reage negativamente à proposta de Elias Diniz em reajustar impostos municipais

Facebook

Na semana passada, o JC Notícias noticiou, em primeira mão, que a Prefeitura, por intermédio do chefe do executivo, Elias Diniz, tem o interesse de reajustar as tarifas de todos os impostos municipais cobrados a partir de 2018. A justificativa dada a nossa reportagem é de que a máquina pública precisa continuar funcionando e o reajuste ajudaria no custeamento das contas e na valorização do servidor público.

Apesar disso, no próximo ano, já se sabe que o contribuinte terá um reajuste salarial dado pelo governo federal de pouco mais de trinta reais, o que não representa um valor significativo na vida do trabalhador brasileiro. Por este motivo, a reportagem do JC Notícias foi às ruas da cidade e conversou com algumas pessoas para saber suas opiniões sobre a proposta de Elias em reajustar os impostos municipais.

Naelia Gomes, dona de casa, reprovou a atitude do Prefeito e afirmou que se houver o aumento terá de economizar nas contas domésticas:

Clique e ouça Naélia Gomes

Já Erlaine Faria, funcionária de uma indústria de laticínios da cidade, considera a atitude errada visto que o contribuinte já possui inúmeros impostos para pagar:

Clique e ouça Erlaine Faria

Elenita da Silva, também dona de casa, destaca que para as famílias menos abastadas financeiramente como a dela será muito complicado manter as contas em dia:

Clique e ouça Elenita da Silva

Brenda Silva, estudante de Direito e atendente, destaca que não é a favor da decisão do Prefeito e que valorizar o servidor público é necessário, porém não deve ser a prioridade atual:

Clique e ouça Brenda Silva

Segundo informações obtidas pela Rádio Espacial FM, o Projeto de aumento da carga tributária municipal deve ser enviado à Câmara Municipal nesta semana para análise dos vereadores e colocada em debate nas próximas reuniões ordinárias.

Por Henrique Silva


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: