Capa da Página Procon orienta sobre como proceder em casos de demora nas filas dos bancos - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 19º MIN 28º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

02/12/2019 às 09:22h

Procon orienta sobre como proceder em casos de demora nas filas dos bancos

Facebook

O tempo limite nas filas dos bancos definido por leis continua sendo desrespeitado em Pará de Minas. Frequentemente, o Jornalismo da Rádio Espacial FM recebe reclamações de clientes insatisfeitos, que ficam mais de 30 minutos esperando para serem atendidos.

O limite de espera, estabelecido por uma lei municipal em Pará de Minas, sancionada em 2001, é de 15 minutos em dias normais e 30 minutos em vésperas ou após feriados. Em 2002, uma norma nacional confirmou o texto aprovado um ano antes pelos vereadores da época na cidade. De acordo com o PROCON Pará de Minas, os serviços bancários estão entre as principais reclamações dos consumidores.

Sobre como fazer reclamações, o órgão orienta ao consumidor como proceder para fazer uma denúncia sobre a demora no atendimento dos bancos. O primeiro passo é levar ao PROCON um comprovante de que o cliente esteve na agência.

O consumidor deve pegar uma senha. Quando ele for atendido no caixa, pode pedir para o funcionário colocar a hora do atendimento. Caso ele se recuse, o cliente pode procurar o gerente e fazer a cobrança, como explica Bruno Souza, coordenador do PROCON Pará de Minas:

Clique e ouça Bruno Souza

Os bancos podem ser penalizados com multa de R$ 10 mil, revertida para o fundo de Defesa do Consumidor, mas o cliente pode requerer danos morais caso se sinta lesado.

Para reclamar da má prestação de serviços, o consumidor pode procurar o PROCON Pará de Minas, que fica na Rua Alferes Esteves, 95, centro da cidade. O telefone de contato é o (37) 3231-9292.

Por Sérgio Viana


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: