Capa da Página Socorristas aéreos dos Bombeiros e SAMU destacam importância do serviço prestado à comunidade - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 14º MIN 36º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

12/09/2019 às 08:18h

Socorristas aéreos dos Bombeiros e SAMU destacam importância do serviço prestado à comunidade

Facebook

Na última terça-feira (10), Pará de Minas foi destaque no estado após o ataque de dois cães ferozes a uma menina de 02 anos, moradora do bairro Santos Dumont. A criança teve de ser levada para Belo Horizonte, já que apresentava muitos ferimentos graves. A transferência imediata só pôde ser realizada com o uso do helicóptero de primeiros socorros do Corpo de Bombeiros, que prontamente pousou no campo do Paraense Futebol Clube para fazer o transporte.

Na quarta-feira (11), outra aeronave do Corpo de Bombeiros, um avião pousou no aeroporto local para transferir um menino que estava internado no Hospital Nossa Senhora da Conceição. Infelizmente, antes de ser levado para outra cidade, o paciente não resistiu e faleceu.

Nossa equipe aproveitou a presença dos socorristas que fazem esse tipo de atendimento de transferências e conversou com eles para saber como o transporte aéreo tem auxiliado no salvamento de vidas.

Em entrevista ao JC Notícias, Tenente Carlos Saldanha, piloto da aeronave e um dos socorristas do Corpo de Bombeiros, comenta que é fundamental o serviço prestado pela corporação no socorro aéreo de quem precisa:

Clique e ouça Tenente Carlos Saldanha

Nossa reportagem conversou também com Marco Aurélio Lobão, diretor técnico do SAMU. Ele destaca o apoio dado aos bombeiros no socorro de pacientes e transporte de órgãos:

Clique e ouça Marco Aurélio

As aeronaves dos Bombeiros estavam paralisadas por falta de recursos, mas foram reintegradas nos trabalhos exercidos pela corporação graças aos investimentos promovidos pelos consórcios que gerem a saúde pública do estado, como o CIS-URG Oeste por exemplo, responsável pelo SAMU na região Centro-Oeste de Minas.

Por Henrique Silva


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: