Capa da Página Suspeitos de furto de celular acabam detidos após briga no Parque do Bariri - Policial - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 16º MIN 30º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Policial

12/10/2019 às 09:07h

Suspeitos de furto de celular acabam detidos após briga no Parque do Bariri

Facebook

Cinco suspeitos do furto de um aparelho celular foram detidos na noite da última quinta-feira (10), no Parque do Bariri, em Pará de Minas. O telefone foi recuperado. Uma bucha de maconha também foi apreendida.

A Polícia Militar compareceu ao local dos fatos, após receber informações de que um celular foi furtado de uma adolescente de 13 anos, após ela ser agredida em um atrito com outras adolescentes.

A adolescente relatou aos policiais que estava no Parque do Bariri conversando com uma amiga, quando duas adolescentes de 13 e 14 anos entraram em atrito com ela, por motivos de ciúmes, envolvendo o namorado de uma delas.

Ainda segundo a vítima, ela foi agredida pelas autoras, com socos e chutes. Em determinado momento, a jovem agredida entregou seu celular para as infratoras, para que verificassem mensagens relativas ao namorado de uma delas.

Nesse momento, uma das autoras jogou o celular ao chão, que foi furtado por dois dos infratores. As adolescentes infratoras de 13 e 14 anos foram encontradas no Parque do Bariri 2, sendo apreendidas.

Um dos envolvidos nos fatos, o autor de 21 anos foi encontrado em sua residência no bairro Nossa Senhora de Fátima, e com ele foi localizada a bucha de maconha.

De acordo com a PM, o autor de 21 anos disse que o celular estava com um adolescente de 16 anos, morador do Conjunto Habitacional José Pereira Campos. A PM foi até o local e recuperou o telefone. O acusado e outro adolescente de 17 anos, morador do bairro São Cristóvão, que também estava envolvido nos fatos foi apreendido.

Os infratores foram conduzidos à Delegacia de Polícia, com os materiais apreendidos. O adolescente de 16 anos já foi detido outras vezes por tráfico de drogas.

Por Sérgio Viana


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: