Capa da Página Donos de bares e restaurantes entregam proposta à Prefeitura pedindo maior flexibilização do horário de funcionamento - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 18º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

13/01/2021 às 09:04h

Donos de bares e restaurantes entregam proposta à Prefeitura pedindo maior flexibilização do horário de funcionamento

Facebook

Contrários ao horário estabelecido em decreto pela Prefeitura, para que bares, restaurantes, lanchonetes e pizzarias funcionem somente até as 21h, membros da Fegapam – Frente Gastronômica de Pará de Minas – estiveram reunidos na tarde de ontem (12), com objetivo de discutir essa imposição e também elaborar um protocolo de medidas preventivas contra a Covid-19, que seriam adotadas pelos estabelecimentos desse seguimento na cidade, após aprovação do poder executivo.

De acordo com os proprietários desses estabelecimentos, o horário estabelecido pela Prefeitura tem gerado grandes prejuízos a eles, que tiveram que demitir funcionários, temendo não conseguirem honrar com seus compromissos financeiros. Segundo a Fegapam, cerca de 60 trabalhadores do setor em Pará de Minas já foram desligados do trabalho somente nesse mês de janeiro.

Em entrevista ao JC Notícias, Eduardo Araki, proprietário de um restaurante e representante da Fegapam confirma as dificuldades enfrentadas pelos comerciantes desse setor e explica que uma proposta foi elaborada para ser entregue a Prefeitura de Pará de Minas. Segundo ele, atualmente no município existem 537 estabelecimentos ligados a esse seguimento:

Clique e ouça Eduardo Araki

Eduardo Araki destaca os principais pontos colocados na proposta entregue para a Prefeitura:

Clique e ouça Eduardo Araki

No fim de 2020, alguns bares da cidade foram denunciados por desrespeitarem as normas estabelecidas no decreto municipal. Alguns foram flagrados lotados, o que gerou indignação por parte dos pará-minenses. Eduardo reconhece o problema, mas afirma que a partir de agora a Fegapam vai ajudar a fiscalizar os estabelecimentos que agirem errados:

Clique e ouça Eduardo Araki

Procurado pela nossa reportagem, o procurador-geral do município de Pará de Minas, Hernando Fernandes informou que esteve reunido com os representantes da Fegapam na tarde de ontem (12). Segundo ele, foi explicado aos comerciantes a preocupação da Prefeitura de Pará de Minas com a saúde dos pará-minenses.

Segundo ele, a Prefeitura informou que vai aguardar uma reunião de representantes do Governo Estadual, hoje (13) e amanhã (14), sobre a situação da Covid-19 em Minas, além de verificar os números de Pará de Minas, para poder fazer novas mudanças no decreto municipal, inclusive nos horários desses estabelecimentos.

O procurador ainda informou que o protocolo proposto pelos donos de bares e restaurantes será estudado pela Prefeitura.

Por Sérgio Viana

Fotos: Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: