Capa da Página Mais de 13 mil doses da vacina contra a Covid-19 já foram aplicadas em Pará de Minas Mais imunizantes chegam ainda nesta semana - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 9º MIN 23º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

13/04/2021 às 08:00h

Mais de 13 mil doses da vacina contra a Covid-19 já foram aplicadas em Pará de Minas Mais imunizantes chegam ainda nesta semana

Facebook

A Secretaria Municipal de Saúde de Pará de Minas informou nessa segunda-feira (12), que das 15.708 vacinas recebidas no município, 13.081 já foram aplicadas no público-alvo da cidade, sendo que 9.634 foram para a primeira dose e 3.447 para a segunda.

O ritmo da aplicação das vacinas em Pará de Minas tem desagradado a população e de acordo com o secretário municipal de Saúde, Wagner Magesty, em algumas situações o número de imunizantes que chega a ao município é inferior ao que foi anunciado antes pelo governo estadual.

Ontem (12), o Governo Estadual informou que segue distribuindo às Unidades Regionais de Saúde as 478.150 doses de imunizantes enviadas pelo Ministério da Saúde ao estado na última semana. A expectativa é de que Pará de Minas receba 1.730 doses ainda nesta semana.

A Secretaria orienta os municípios a não fazer mais o armazenamento da segunda dose na Unidade Regional. Todas as doses são entregues aos municípios para a continuidade de suas campanhas de vacinação.

De acordo com o Governo Estadual, a nova remessa – 257.750 da AstraZeneca e 220.400 da Coronavac – irá proporcionar a distribuição da segunda dose (D2) relativa ao esquema vacinal dos trabalhadores da Saúde (30,7%) e da população de 70 a 74 anos (22%). E, ainda, a continuidade de aplicação da primeira dose dos grupos de 65 a 69 anos e dos integrantes das Forças de Segurança e Salvamento.

O Governo de Minasformalizou pedido ao Ministério da Educação para que a comunidade escolar seja incluída como grupo prioritário no Plano Nacional de Imunização (PNI) contra a covid-19. O ofício, enviado na sexta-feira (9) ao ministro da Educação, Milton Ribeiro, foi assinado pelo governador Romeu Zema e pelos secretários de Estado de Saúde, o médico Fábio Baccheretti, e de Educação, Julia Sant’Anna.

O documento explica a importância da inclusão de professores e demais trabalhadores da Educação como prioridade na vacinação, para que ocorra a volta gradual das aulas presenciais. A imunização se somaria ao protocolo de Saúde criado por um grupo de trabalho no Estado com orientações para o retorno da atividade.

Por JC Notícias

Foto: Divulgação




Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: