Capa da Página Givanildo busca melhor escalação no ataque do Coelho - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 19º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

26/05/2015

Givanildo busca melhor escalação no ataque do Coelho

Facebook

Ele chegou para ser o homem-gol do América. E, na goleada sobre o Santa Cruz por 4 a 1, pela terceira rodada da Série B, Marcelo Toscano marcou o primeiro tento com a camisa do Coelho. Artilheiro da Série A2 do Campeonato Paulista pelo Mirassol com 13 gols, ele ainda colocou fim a um jejum de quatro jogos dos atacantes alviverdes.

Apesar do gol, o atacante de origem atuou como um meia ofensivo, aberto pelo lado do campo – o próprio Toscano já havia destacado tal versatilidade, lembrando já ter atuado como lateral, meia e até volante.

Em 17 jogos no ano – Mineiro, Copa do Brasil e Série B –, o time americano balançou a rede 21 vezes. Os atacantes, no entanto, foram responsáveis por apenas nove desses gols.

Considerando as partidas como titulares ou entrando na etapa final, Rodrigo Silva marcou somente uma vez em nove jogos; Rubens balançou a redes três vezes em oito partidas; e Felipe Amorim, também atuando mais aberto, fez quatro gols em 16 jogos.

Antes de sábado, o último gol de um atacante havia sido contra o Democrata, pela 11ª rodada do Estadual, com Rubens. Depois, em duas partidas pela Copa do Brasil e nas duas primeiras rodadas da Série B, os responsáveis pelos tentos foram o meia Mancini e o zagueiro Wesley Matos.

Semana para treinar
Após o início da Série B, o América terá a primeira semana livre para treinar, quando se prepara para enfrentar o Bragantino, na próxima sexta-feira, às 19h30, no estádio Nabi Abi Chedid. Após a primeira vitória na competição, o treinador Givanildo Oliveira já projeta melhor rendimento. “Nunca estou satisfeito. A cobrança vai continuar, até porque com esse terceiro jogo nós fizemos 50% no campeonato com uma vitória, um empate e uma derrota. Está pouco. Tem que ser de 70% pra cima. Qualquer time que fizer 70 pra cima, vai estar entre os quatro. Aí nós ficaremos satisfeitos”, destaca.

Fonte: G1

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: