Capa da Página Criança de Igaratinga é encaminhada ao HNSC por suspeita de sarampo - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 15º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

18/09/2019 às 08:19h

Criança de Igaratinga é encaminhada ao HNSC por suspeita de sarampo

Facebook

Mais um caso suspeito de sarampo está em investigação no Centro-Oeste de Minas. Depois de Pará de Minas, Itaúna e Nova Serrana, dessa vez o paciente é da cidade de Igaratinga.

A Prefeitura Municipal de Igaratinga, através da Secretaria Municipal de Saúde, informou na última segunda-feira (16), que deu entrada no Centro de Saúde São Judas Tadeu, conhecido popularmente como “Policlínica”, uma criança de 1 ano e 2 meses com quadro suspeito de sarampo.

Diante da suspeita, a Secretaria de Saúde suspendeu o atendimento à população por tempo indeterminado, tomando todas as providências possíveis. Posteriormente, a criança foi encaminhada para o Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) e está em observação isolada, como explica o secretário municipal de Saúde de Pará de Minas, Paulo Duarte, em entrevista ao JC Notícias.

Ele também divulga novas informações sobre o caso suspeito de sarampo em Pará de Minas:

Clique e ouça Paulo Duarte

Paulo Duarte explica como é feito o protocolo de atendimento no hospital, após o recebimento de pacientes com casos suspeitos de sarampo:

Clique e ouça Paulo Duarte

O secretário aproveita para fazer um balanço da vacinação em Pará de Minas que ocorreu no último sábado (14). O movimento surpreendeu a Secretaria:

Clique e ouça Paulo Duarte

O sarampo e a rubéola possuem vigilância integrada desde 1999, tornando oportuna a detecção de casos e surtos e a efetivação das medidas de controle. As duas doenças são de notificação obrigatória e imediata, o que deve ocorrer em até 24 horas após o atendimento.

Por Sérgio Viana


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: