Capa da Página Dirigente do Cruzeiro admite impor restrições a Rafael em caso de negociação com Atlético - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 8º MIN 28º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

CRUZEIRO MG

Dirigente do Cruzeiro admite impor restrições a Rafael em caso de negociação com Atlético

31/01/2020 às 09:05h

Facebook

O Cruzeiro admite impor restrições a Rafael em caso de negociação com o Atlético. Presidente do Núcleo Dirigente Transitório, Saulo Fróes afirmou que o clube pode condicionar a liberação do goleiro ao pagamento de uma multa, assim como o alvinegro fez em relação ao atacante Fred, no fim de 2017.

“É um direito dele. Se ele conseguir todos os direitos, vai para onde quiser. Agora, da nossa parte, temos as nossas limitações. Igual ao Atlético fez com o Fred (multa de R$ 10 milhões ao jogador pelo acerto com o Cruzeiro), nós temos as nossas limitações. Se ele for para o Atlético, que seja feliz. Mas nós temos nossas restrições. Vamos colocar na hora certa”.

Fróes ainda mantém esperança em chegar a um entendimento com Rafael, de modo que o Cruzeiro receba uma contrapartida pela saída do jogador. “Tudo é conversado. Às vezes não precisa nem da multa. Dependendo do que ele nos pagar, nós o liberamos”.

O diretor de futebol Ocimar Bolicenho também comentou a situação do camisa 12. “A gente conversou muito com ele e das possibilidades de achar alternativas. Ele se posicionou muito firme que gostaria de ter uma oportunidade de jogar, porque no Cruzeiro seria difícil. É uma decisão pessoal, não depende da vontade do Cruzeiro, e sim do atleta”.

Rafael processou o Cruzeiro por causa do atraso em salários, direitos de imagem, 13º, 1/3 de férias e Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A ação corre em segredo de Justiça. Especula-se que os valores cobrados estejam na casa de R$ 9 milhões. Sem acordo amigável, as partes têm audiência marcada para o próximo dia 12 de fevereiro.

Mineiro de Coronel Fabriciano, Rafael, de 30 anos, chegou ao Cruzeiro ainda adolescente, em 2002. Sua promoção ao time principal ocorreu em 2008, sob o comando do técnico Adilson Batista.

Sempre que acionado para suprir ausências de Fábio, o goleiro correspondeu às expectativas. Foram 112 partidas e dez títulos: estaduais de 2008, 2009, 2011, 2014, 2018 e 2019; Copas do Brasil de 2017 e 2018 e Campeonatos Brasileiros de 2013 e 2014.

A possível transferência de Rafael para o Atlético ganhou força por causa da iminente venda de Cleiton ao Red Bull Bragantino. O valor da transação gira em torno de 5 milhões de euros (R$ 23,4 milhões) por 70% dos direitos econômicos do goleiro de 22 anos, reserva da Seleção Brasileira Olímpica.

Fonte: Super Esportes

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: