Capa da Página Irmão de Pablo Escobar lança smartphone dobrável - Tecnologia - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 18º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Tecnologia

06/12/2019 às 09:00h

Irmão de Pablo Escobar lança smartphone dobrável

Facebook

Roberto Escobar Gaviria, irmão do lendário traficante Pablo Escobar, é um empresário do ramo de tecnologia com planos ambiciosos. Ele anunciou, nesta quarta-feira (5), o lançamento de um celular de tela dobrável, o Escobar Fold. Produzido pela Escobar Inc, o aparelho é similar ao Galaxy Fold, lançado pela Samsung em abril deste ano.

Vendido a U$ 350, o dispositivo é cerca de 90% mais barato que o concorrente coreano e pode ser adquidirido apenas por meio do site da Escobar Inc. Na avaliação de Roberto, os produtos das empresas rivais são superfaturados. “Eu cortei as operadoras e varejistas para vender para os consumidores celulares que podem dobrar por apenas US$ 349”, afirmou em entrevista ao site Digital Trends.

Em que pesem as semelhanças entre o Escobar Fold com o Galaxy de tela dobrável, a mira de Roberto não está voltada à Samsung, mas a outra gigante de tecnologia. “O meu objetivo é derrotar a Apple, e quero fazer isso por mim mesmo, como sempre fiz. Eles estão enganando as pessoas vendendo celulares que não valem nada superfaturados”, declarou o empresário, que pretende processar a Apple em 2020. “Nós queremos que essa empresa devolva parte dos seus lucros ilegais para as pessoas", defendeu.

Cem mil unidades do Escobar Fold já está disponíveis para a venda. A versão padrão (U$ 350) vem com 128 gigabytes de memória interna. O modelo "plus", por sua vez, oferece 512 gigabytes de armazenamento (R$ 499).

Além de smartphones, a Escobar Inc. também comercializa lançadores de chama em formato de metralhadora, bonés e artigos esportivos, como calças de ginástica e camisetas. O layout do site da empresa remeta ao mundo do crime, como armas e mulheres sensualizando em ambientes semelhantes cativeiros de sequestro.

Fonte: em.com.br

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: