Capa da Página Com queda de grandes, Cruzeiro terá promessa de Série B mais competitiva - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 17º MIN 30º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

CRUZEIRO MG

Com queda de grandes, Cruzeiro terá promessa de Série B mais competitiva

23/02/2021 às 08:15h

Facebook

Depois de ter enfrentado uma Série B sem equipes grandes no ano passado, o Cruzeiro terá uma edição com times tradicionais em 2021. Quase todos os participantes já estão definidos, restando apenas uma vaga, bem encaminhada para o Vasco da Gama. A promessa é de um torneio ainda mais competitivo.

Dos times rebaixados da Série A, dois já foram campeões brasileiros. O Botafogo conquistou o maior torneio nacional em 1968 e 1995, além de ter vencido a Segundona em 2015. Já o Coritiba ergueu o Brasileirão em 1985 e a Série B em 2007 e 2010.

Outro confirmado na Segunda Divisão, o Goiás já venceu a Série B em duas ocasiões: 1999 e 2012.

O Vasco da Gama está muito perto de ser confirmado como o último integrante da competição em 2021. O time carioca está na 17ª colocação da Série A, com 38 pontos, três a menos em relação ao Fortaleza. Faltando uma rodada, o Vasco precisa tirar uma diferença de 12 gols de saldo. Trata-se de uma missão praticamente impossível.

Sendo assim, o Vasco tem tudo para estar na Série B em 2021. Assim como o Cruzeiro, o time carioca tem quatro títulos nacionais (1974, 1989, 1997 e 2000). A equipe da Colina ainda venceu a Série B (2009) e ficou duas vezes em terceiro lugar: 2014 e 2016.

O Guarani é outro membro da Série B que já conquistou o Campeonato Brasileiro. O Bugre levou a taça em 1978, além de ter erguido a Segunda Divisão uma vez, em 1981.

Londrina, que subiu para a Série B, e Sampaio Corrêa, que se manteve na divisão de acesso, também já conquistaram a Segunda Divisão: 1980 e 1972, respectivamente.

Na última temporada, o Cruzeiro era considerado o único grande da Série B. A Raposa terminou na 11ª colocação, com 49 pontos. O diretor de futebol do clube, André Mazzuco, acredita que a competição deste ano será ainda mais difícil.

"A Série B deste ano, talvez, vai ser uma das mais difíceis pelos clubes que vão disputar e os remanescentes. O objetivo do Cruzeiro, aí eu falo do resgate da identidade mesmo com esse cenário… A gente precisa ter uma mentalidade de conquista que é o que comandou o Cruzeiro nos últimos anos. A gente tem que entrar numa competição mirando essa conquista. Essa conquista pode nos dar o título da Série B e também pode nos dar o acesso", destacou.

Fonte: Super Esportes

Foto: CBF / Divulgação

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: