Capa da Página Cruzeiro acorda na etapa final, mas fica no empate com CSA na Série B - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 6º MIN 24º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

CRUZEIRO MG

Cruzeiro acorda na etapa final, mas fica no empate com CSA na Série B

16/12/2020 às 09:18h

Facebook

O Cruzeiro segue com extrema dificuldade para emplacar uma sequência de vitórias na Série B. Nesta terça-feira, desperdiçou mais uma oportunidade dentro de casa, diante do CSA. O time celeste saiu atrás do marcador, conseguiu alcançar o empate, com Rafael Sobis, mas nada além disso. O duelo no Independência acabou com o placar de 1 a 1.  

Com o resultado, o Cruzeiro ganha uma posição. O time celeste é o novo 10º colocado da Série B, com 39 pontos, mas poderá ser ultrapassado pelo Confiança, que enfrenta o Guarani neste sábado. A diferença para o Juventude, primeiro clube do G4, é de sete pontos.

Na próxima rodada, o Cruzeiro encara outro adversário direto na briga pelo acesso. O duelo diante do Avaí está marcado para as 20h15 de sexta-feira, na Ressacada, em Florianópolis. O CSA, por sua vez, visitará o Juventude no Alfredo Jaconi, em Caxias, no Rio Grande do Sul, às 18h.

O jogo

Embora não tenha sido brilhante em nenhum momento, o Cruzeiro tinha certo controle até a metade do primeiro tempo. Aos 25’, no entanto, uma falha de marcação foi fatal. Na segunda finalização dos alagoanos na partida, Pedro Lucas entrou livre na área, entre Raúl Cáceres e Manoel, e recebeu cruzamento na medida de Yago para balançar a rede de Fábio. 1 a 0.

Logo os visitantes se fecharam para jogar no erro do Cruzeiro e buscar os contra-ataques, aproveitando a velocidade de seus extremos. Sem um homem de criação, os jogadores de frente da Raposa abusaram das finalizações de média distância. Em uma delas, aos 47’, quando William Pottker tentou da intermediária, Rafael Sobis quase conseguiu o desvio e por pouco não marcou.

Na volta do intervalo, Felipão decidiu mudar o esquema tático. Na tentativa de melhorar o repertório, substituiu Jadson por Giovanni. William Pottker, inoperante no setor ofensivo, deu lugar a Arthur Caíke. As alterações mudaram o panorama do jogo. Deram ânimo ao Cruzeiro. Até os 10’, o time celeste já havia criado pelo menos três chances, com Caíke, Sobis e Giovanni.

Aos 13’, a insistência foi premiada. Giovanni finalizou com força da entrada da área, Matheus Mendes espalmou para o centro da área, e Rafael Sobis, atento ao lance, aproveitou a sobra para marcar seu quinto gol desde o retorno ao Cruzeiro. 1 a 1. Com o empate, o time celeste diminuiu o ímpeto e viu o CSA mudar a estratégia, avançando linhas e também buscando o gol. Essa configuração levou a partida para a igualdade, em novo resultado ruim para a Raposa na competição.

CRUZEIRO 1X1 CSA

Fonte: Super Esportes

Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: