Capa da Página - Produtores rurais ainda podem entregar declaração de compra de vacinas contra aftosa - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 10º MIN 32º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

03/07/2020 às 09:00h

Produtores rurais ainda podem entregar declaração de compra de vacinas contra aftosa

Facebook
Terminou oficialmente na última terça-feira (30), o prazo para os produtores rurais de Minas Gerais imunizarem bovinos e bubalinos de todas as idades contra a febre aftosa. A campanha teve início em 1º de maio e o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), responsável pela gestão da vacinação no estado, vai receber as declarações até o dia 10 de julho.

Para confirmar os prazos e orientar os produtores conversamos com o chefe do IMA em Pará de Minas, Lucas Silva Jardim. Ele dá mais detalhes sobre os caminhos que devem ser seguidos para comprovar a imunização:

Clique e ouça Lucas Silva

Quem não conseguiu fazer a declaração pela internet terá a chance de fazê-la na sede do IMA. Lucas informa onde o produtor poderá ser atendido de forma presencial:

Clique e ouça Lucas Silva

O produtor que não vacinar os animais ou não fizer a declaração de vacinação tem que pagar multa, além de sofrer uma série de sanções, como afirma Lucas Jardim:

Clique e ouça Lucas Silva

A febre aftosa é causada por vírus altamente contagioso. A doença é transmitida pela saliva, nas aftas, no leite, no sêmen, na urina e nas fezes dos animais doentes. Inquietação, salivação (babeira), lesões na boca e nas patas são alguns sintomas. O produtor deve notificar imediatamente ao IMA se forem verificados animais com estes sintomas.

Por Márcia Rocha

Fotos Arquivo Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: