Capa da Página Só em agosto. Governo adia início do atendimento presencial nas agências do INSS - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 6º MIN 24º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

10/07/2020 às 08:17h

Só em agosto. Governo adia início do atendimento presencial nas agências do INSS

Facebook

Quem pretende resolver alguma questão nas agências do INSS terá que esperar mais um pouco. É que o governo federal transferiu para agosto o início do atendimento presencial no instituto. Um milhão e 300 mil pessoas esperam uma resposta para os pedidos de benefícios.

Por causa da pandemia, desde o fim de março, o atendimento presencial está suspenso nas agências do Instituto Nacional do Seguro Social. A previsão era voltar na próxima segunda-feira (13), mas o governo mudou a data para 3 de agosto.

Para falar sobre o assunto conversamos com o advogado especialista em direito trabalhista e previdenciário, Doutor Márcio Campos. Ele confirma a data e orienta quem aguarda a análise de algum pedido junto ao INSS:

Clique e ouça Dr. Márcio Campos

A fila de benefícios previdenciários por incapacidade passou de mais de 240 mil em fevereiro para quase 546 mil em maio, alta de 123%. São pessoas impossibilitadas de trabalhar por causa de doença ou acidente e que esperam benefícios como o auxílio-doença. Doutor Márcio revela o que está sendo feito para essas pessoas:

Clique e ouça Dr. Márcio Campos

O advogado orienta quem precisa de alguma informação do INSS sobre processos em andamento:

Clique e ouça Dr. Márcio Campos

O INSS informou que está ajustando regras sanitárias e de segurança para o atendimento. Há muitos pedidos de benefícios aguardando análise. Em abril, a fila era de 1,8 milhão de pessoas, caiu em maio e, no mês passado, chegou a 1,3 milhão.

Por Márcia Rocha

Fotos Arquivo Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: