Capa da Página Recebido por multidão de torcedores na sede do Cruzeiro, Marcelo Moreno faz discurso emocionado: Não imaginei isso nem nos meus melhores sonhos - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 18º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

CRUZEIRO MG

Recebido por multidão de torcedores na sede do Cruzeiro, Marcelo Moreno faz discurso emocionado: 'Não imaginei isso nem nos meus melhores sonhos'

19/02/2020 às 08:19h

Facebook

O flecheiro chegou. Desta forma, em suas redes sociais, o Cruzeiro anunciou o retorno de Marcelo Moreno, recebido por centenas de torcedores no início da tarde desta terça-feira, na porta da Sede Administrativa do clube, no Barro Preto, Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Depois de muita festa, o boliviano, emocionado, deu aos cruzeirenses uma palavra de esperança no ano de reconstrução da equipe, que disputará a Série B do Campeonato Brasileiro em 2020.

“Cadê a maior torcida de Belo Horizonte?”, perguntou, inicialmente, o jogador. “Nem nos meus melhores sonhos eu imaginava ser recebido desta forma. Vamos reconstruir o Cruzeiro”, complementou o atacante.

Mais de 500 pessoas fecharam a Rua Timbiras nesta terça-feira para receber Moreno. Ele desembarcou às 12h e, antes do contato com o torcedor, foi recebido pela alta cúpula da Raposa no Aeroporto da Pampulha. Estiveram no local integrantes do Núcleo Dirigente Transitório, além do empresário Pedro Lourenço.

Ainda não há uma data para a estreia do atacante. Em entrevista recente à Rádio Itatiaia, no entanto, o gestor de futebol do Cruzeiro, Carlos Ferreira, afirmou que espera ver o boliviano à disposição de Adilson Batista pelo menos para o clássico diante do Atlético, pelo Estadual, marcado para 7 de março (sábado), às 16h30, no Mineirão. O mando de campo da partida é do adversário.

Para retornar ao Cruzeiro, Moreno abriu mão de cerca de R$ 43 milhões do restante do contrato que tinha na China. Ele rescindiu seu vínculo com o Shijiazhuang Ever Bright, da China, para assinar por três anos com a Raposa. Apesar disso, seus vencimentos estarão entre os maiores do clube celeste. No primeiro ano, com ajuda de Pedro Lourenço, do Supermercados BH, a Raposa pagará R$ 200 mil por mês ao atacante. Se o Cruzeiro subir para a Série A, o valor será dobrado já em 2021: R$ 400 mil/mês.

Passagem pelo Cruzeiro

Marcelo Moreno defendeu o Cruzeiro em duas passagens. Na primeira, entre março de 2007 e maio de 2008, marcou 21 gols em 36 jogos e foi vendido ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, por 9 milhões de euros (R$ 23,5 milhões). A Raposa ficou com 40% do valor da negociação - por volta de R$ 9,4 milhões.

Na segunda estada, em 2014, o boliviano atuou pelo time celeste emprestado pelo Grêmio, que havia adquirido 70% de seus direitos ao Shakhtar, por 6 milhões de euros, em dezembro de 2011. Em 57 jogos, ele marcou 24 gols e conquistou dois títulos: Campeonato Mineiro e Campeonato Brasileiro.

Por mais de três anos, Marcelo Moreno foi o maior artilheiro estrangeiro da história do Cruzeiro, com 45 gols em 93 jogos. Somente em 2018 é que foi superado pelo uruguaio Arrascaeta - 50 gols em 188 partidas. Com o retorno iminente ao clube, o jogador de 32 anos tem grande chance de recuperar essa condição.

No primeiro semestre de 2008, Moreno trabalhou com Adilson Batista, atual técnico do Cruzeiro, e conseguiu ótimos números: 15 gols em 19 jogos (média de 0,78). Além do boliviano, o treinador celeste tem outros atacantes à disposição no elenco: Roberson, Judivan e Vinicius Popó são os três que desempenham a mesma função.

Fonte: Super Esportes


Foto: Leandro Couri / EM DA PRESS

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: