Capa da Página Promotor recebe torcedores, diz que investigações a ex-diretores do Cruzeiro estão bem avançadas e promete boas notícias - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 12º MIN 35º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

ATLÉTICO MG

Promotor recebe torcedores, diz que investigações a ex-diretores do Cruzeiro estão 'bem avançadas' e promete 'boas notícias'

16/01/2020 às 08:56h

Facebook

O promotor Daniel de Sá, responsável pela 11ª Promotoria de Justiça de Combate ao Crime Organizado e Investigação Criminal do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), recebeu cinco torcedores do Cruzeiro na tarde desta quarta-feira. Em encontro com a presença de jornalistas, na sede do MPMG, ele afirmou que as investigações contra ex-dirigentes do clube estão “bem avançadas” e que, em breve, o torcedor terá “boas notícias”.

"Podem ter certeza que o objetivo do Ministério Público e da Polícia Civil é apurar tudo aquilo que tiver acontecido de forma criminosa no Cruzeiro, responsabilizando as pessoas que tiverem de ser responsabilizadas e fazer isso de forma responsável, rápida, para dar um retorno. Embora eu não possa dar detalhes da investigação, posso dizer que a investigação está avançando bem. Os resultados vão satisfatórios e atender aos desejos da torcida", disse o promotor aos torcedores.

Vale lembrar que o ex-presidente Wagner Pires de Sá, o ex-vice de futebol, Itair Machado, e o ex-diretor-geral, Sérgio Nonato, são alguns dos dirigentes investigados por suspeitas de lavagem de dinheiro, falsificação de documentos, falsidade ideológica e apropriação indébita.

Depois da reunião, ele também deu um pronunciamento aos jornalistas presentes, sem responder questionamentos sobre a investigação, que corre em segredo de justiça. Daniel de Sá ressaltou o andamento das apurações e afirmou que "alguns pontos já estão bastante evoluídos".

"A gente recebeu os torcedores que estavam na manifestação e a gente explicou que há uma investigação. A investigação está sendo feita pela Polícia Civil, em um procedimento do Ministério Público também, mas o Ministério Público também está acompanhando de perto a investigação da Polícia Civil e praticamente tudo está sendo feito em conjunto com a delegacia de fraudes", disse.

"A investigação vem avançando de forma satisfatória, alguns pontos já estão bastante evoluídos e outros pontos precisam de mais apuração. A gente está confiante de que vai conseguir fazer uma boa apuração em relação à esses fatos e dar resposta, como eu disse, responsabilizando aqueles fatos que realmente tiverem sido praticados de forma criminosa e responsabilizando as pessoas envolvidas, sejam elas quem forem para coibir e reprimir eventuais práticas criminosas dentro da administração e da gestão do Cruzeiro Esporte Clube", complementou.

Os torcedores que participaram da reunião ainda transmitiram a mensagem aos que realizavam protesto em frente ao Ministério Público (foto abaixo). Os manifestantes exibiram faixas pedindo ao Poder Judiciário que não deixe o clube acabar. "Prenda esses criminosos que que estão destruindo o Cruzeiro".


Reunião com novos diretores do Cruzeiro

Também nesta quarta, Daniel de Sá e delegados da Polícia Civil receberam membros do Núcleo Dirigente Transitório, que administram o Cruzeiro desde as renúncias do presidente Wagner Pires de Sá e de seus vices, Hermínio Lemos e Ronaldo Granata. O promotor revelou que os novos dirigentes se prontificaram a entregar qualquer tipo de documento sigiloso do clube.

"A reunião foi excelente, foi muito produtiva. O delegado também participou. Eles se dispuseram a ajudar a investigação naquilo que for possível, que tiver à disposição do Cruzeiro. A gente já disse o que eles podem contribuir e eles já se colocaram totalmente à disposição, contatos dos advogados. Neste particular, a gente acha que vai contribuir ainda mais para avançar nas investigações", projetou.

Representaram o Cruzeiro na reunião o presidente do núcleo de gestores, Saulo Fróes, o novo superintendente jurídico do clube, Kris Brettas, e Emílio Brandi, responsável pela área administrativa financeira.

Por meio da assessoria de comunicação do Núcleo Dirigente Transitório do Cruzeiro, Kris Brettas deu detalhes da conversa com o promotor Daniel Sá e o delegado Gustavo Xavier.

“Nós fomos entender como está o andamento das investigações na Polícia Civil e no Ministério Público, e até agora o que nos foi passado é que as investigações estão caminhando bem, em alguns pontos já estão bem avançadas. Mas tudo corre em segredo de justiça, o que é importante para a investigação dos fatos. O Cruzeiro se colocou inteiramente à disposição da justiça, para oferecer todos os documentos e informações ao MP e Polícia Civil, em tudo o que precisarem. O interesse maior nessa apuração é do clube, que foi lesado, e queremos que os culpados sejam identificados e o clube ressarcido”.

Fonte: Super Esportes

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: