Capa da Página Covid-19:seis em cada dez mortes no Brasil são de pessoas não vacinadas com 3ª dose - - Destaques - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 11º MIN 28º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Destaques

04/07/2022 às 09:21h

Covid-19:seis em cada dez mortes no Brasil são de pessoas não vacinadas com 3ª dose

Facebook

Seis em cada dez mortes por Covid-19 no Brasil são de pessoas que deixaram de tomar a 3ª dose da vacina. Os dados são de uma pesquisa da plataforma Info Tracker, que chegou ao resultado após coletar informações do Sistema Único de Saúde (SUS). A coordenadora da plataforma, Marilaine Colnago, explicou ainda que 65,3% das pessoas internadas pela doença não foram vacinadas com a 3ª dose. O levantamento é do período de março a junho.

“Com o passar do tempo, a gente vai perdendo esse benefício da imunização da vacina. Por isso, a gente tem que se vacinar periodicamente. Se a gente considerar apenas as pessoas que tomaram a 3ª dose em 2022, ou seja, nesses seis primeiros meses, elas são apenas 9,3% das internações. Então a gente tem pouco mais de 90% dos internados”, disse.

“Do total de pessoas que vieram a óbito, 32,5% tinham se vacinado com a 3ª dose em qualquer período. Em 2022, menos de 6% tinham se vacinado. Então se a gente considerar apenas os vacinados em 2022, nesse período de seis meses, apenas seis 6% dos óbitos são dessas pessoas que foram vacinadas”, destacou Colnago.

Segundo a especialista, dois pontos devem ser considerados a partir desses dados. “A importância de estar em dia com o esquema vacinal e que o governo acelere a campanha de vacinação para toda a população”, acrescentou.

158 mortes

Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 158 mortes por Covid-19, o que totaliza 671.852 óbitos desde o início da pandemia. Os dados são do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS).

A média móvel de mortes dos últimos sete dias é de 213, um aumento de 9% comparado há uma semana. São cinco dias seguidos com a média acima de 200. É a primeira vez que o país tem uma sequência como essa, desde março.

Fonte: Rádio Itatiaia

Foto: Rádio Espacial FM / AdobeStock_331786956

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: