Capa da Página Moradores de 29 cidades mineiras atingidas pelas chuvas podem sacar FGTS - Destaques - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 15º MIN 30º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Destaques

07/03/2022 às 07:43h

Moradores de 29 cidades mineiras atingidas pelas chuvas podem sacar FGTS

Facebook

Moradores de Onça de Pitangui, Juatuba e Mateus Leme já podem sacar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por calamidade. As cidades foram afetadas por fortes enchentes recentemente. Além dessas três cidades, outras 26 também estão incluídas na lista em que é possível solicitar o saque dos recursos. Pará de Minas ainda não foi incluída na listagem.

Cada trabalhador atingido pelas enchentes poderá retirar até R$ 6.220. Somente poderão sacar o FGTS os moradores com endereços informados pela Defesa Civil dos municípios à Caixa Econômica Federal.

A retirada poderá ser pedida por meio do aplicativo FGTS até 14 de abril. Para isso, basta o trabalhador abrir o aplicativo e escolher a opção “Meus Saques”, sem a necessidade de comparecer a uma agência. Os documentos – foto de documento de identidade e comprovante de residência em nome do trabalhador até 120 dias antes do desastre – poderão ser enviados pelo próprio aplicativo.

Caso o comprovante de residência esteja em nome do cônjuge, será necessário também remeter certidão de casamento ou escritura pública de união estável. O documento também pode ser incluído no aplicativo.

Ao pedir o saque, o trabalhador poderá indicar o crédito em uma conta da Caixa ou de qualquer outro banco para receber os valores, sem nenhum custo. O prazo para retorno da análise e crédito em conta, caso aprovado o saque, é de cinco dias úteis. Mais informações podem ser obtidas no site ou com a Caixa no telefone 0800-726-0207.

Betim, Cláudio, Dores do Indaiá, Pompéu e Santo Antônio do Monte, são outras cinco cidades da região de Pará de Minas que estão na lista.

Com informações da Itatiaia


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: