Capa da Página América volta a vencer, rebaixa Coimbra e alcança vice-liderança do Mineiro - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 13º MIN 28º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

AMÉRICA MG

América volta a vencer, rebaixa Coimbra e alcança vice-liderança do Mineiro

19/04/2021 às 08:00h

Facebook

Depois de quatro partidas sem vencer - três pelo Campeonato Mineiro e uma pela Copa do Brasil -, o América encerrou a série negativa ao bater o Coimbra por 2 a 0, neste sábado, no Independência, pela 10ª rodada do Estadual. Zé Ricardo e Rodolfo fizeram os gols do Coelho, que pulou provisoriamente para a vice-liderança e praticamente assegurou classificação às semifinais. 

O América, que vinha de duas derrotas - para Atlético (3 a 1), no Mineirão, e Tombense (2 a 1), em Tombos - e um empate no Horto com o Patrocinense (1 a 1) pelo Mineiro, se redimiu diante do lanterna. Com muita produção ofensiva, o Coelho poderia ter alcançado placar elástico. Mas, como vem ocorrendo desde a Série B do ano passado, o time pecou nas finalizações.

O América chegou aos 19 pontos e voltou à vice-liderança. Mas o Coelho será ultrapassado pelo Cruzeiro, em caso de triunfo celeste sobre o Pouso Alegre, neste domingo, às 11h, no Sul de Minas. O Coimbra, que na temporada passada, quando estreou na elite, se salvou da degola na última rodada, em 2021 teve a tampa do caixão fechada e já está rebaixado com uma rodada de antecedência. O time da Grande BH permaneceu na lanterna, com apenas cinco pontos.

O América encerra a participação na fase de classificação do Mineiro diane da URT, no domingo que vem, dia 25, às 16h, no Estádio Zama Maciel, em Patos de Minas. No mesmo dia e horário, o Coimbra se despedirá da elite estadual contra o Uberlândia, no Independência. 

O JOGO

Incomodado com a falta de vitórias nos jogos anteriores, o América começou a todo o vapor. Logo aos 57seg, Rodolfo recebeu belo lançamento de Bruno Nazário e chutou na trave. Aos 5, em outra assistência de Nazário, Felipe Azevedo parou no goleiro. No minuto seguinte, Rodolfo ajeitou de cabeça para Felipe Azevedo, que acertou o poste. A blitz do Coelho era intensae deixou o Coimbra atordoado. 

Mas o gol só saiu aos 25min. Depois de tanto insistir, o América recuperou a bola perto da área adversária. Alê passou a Zé Ricardo, que emendou e acertou o canto direito - com direito a mais um choque na trave antes de entrar: 1 a 0. Alívio para Lisca, que na beira do campo já demonstrava certa preocupação com as finalizações erradas. 

Depois do gol, o América não diminuiu a pressão e mostrou que queria mais, para liquidar logo a fatura e não dar brecha para o azar. O Coimbra, assustado, só obrigo Matheus Cavichioli a trabalhar aos 34min, em chute de Lucas Hipólito. O placar mínimo ficou muito barato para a equipe com sede em Contagem.

MAIS CHANCES 

O América voltou a campo mais desacelerado na etapa final, enquanto o Coimbra procurou segurar a bola na frente, apostando em uma bola para chegar ao gol. O Coelho balançou as redes com Anderson, mas em posição de impedimento, bem marcado. Aos 13, em outra assistência de Bruno Nazário, Rodolfo completou para as redes: 2 a 0. 

Com a partida definida, o América buscou mais gols, até para melhorar o saldo no Mineiro. Mas esbarrou nas escolhas erradas dos atacantes, além de erros na conclusão. O técnico Lisca mexeu, deu ritmo a Ademir, que estava no banco, e continuava preocupado com as chances desperdiçadas e o baixo aproveitamento ofensivo. Ele ainda promoveu a estreia do meio-campo Ramon, que entrou no lugar de João Paulo. E Ribamar substituiu Rodolfo. 

O América insistiu na busca por mais gols até o fim, sem conseguir voltar a balançar as redes. O Coimbra, que fez todas as cinco substituições possíveis, já estava de guarda baixa e sem forças para reagir, apenas lutou para evitar goleada no Horto. 

AMÉRICA 2 x 0 COIMBRA

Fonte: Super Esportes

Foto: Alexandre Guzanshe/EM/DAPress


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: