Capa da Página Após pausa de 21 dias, Atlético e Tombense se enfrentam na final do Campeonato Mineiro - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 16º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

ATLÉTICO MG

Após pausa de 21 dias, Atlético e Tombense se enfrentam na final do Campeonato Mineiro

26/08/2020 às 09:09h

Facebook

Após uma pausa de 21 dias para a disputa das rodadas iniciais das três primeiras divisões do Brasileirão, o Campeonato Mineiro está de volta. E em clima de decisão. Nesta quarta-feira, Atlético e Tombense se enfrentam pela partida de ida da final estadual. O jogo está marcado para 21h30, no Mineirão, e tem mando alvinegro.

De um lado, o favorito Atlético do técnico Jorge Sampaoli tenta se recuperar de duas derrotas consecutivas na Série A e voltar a ser campeão mineiro após os vice-campeonatos em 2018 e 2019. Do outro, o ‘azarão’ Tombense, comandado por Eugênio Souza, quer fazer história e conquistar o título estadual pela primeira vez.

As equipes se enfrentam novamente no próximo domingo (30), a partir das 16h, pelo jogo de volta da final. O Tombense será o mandante, mas o duelo decisivo também será no Mineirão, e não em Tombos, cidade da Zona da Mata. Isso porque apenas Mineirão e Independência estão homologados para receber o VAR, presente na fase mais aguda da competição.

Dono da melhor campanha, o Tombense tem vantagens na final. Além de poder jogar a segunda partida em casa - trunfo que perdeu valor em função da impossibilidade de o estádio local receber o VAR -, o time do interior joga por dois empates ou uma vitória e uma derrota pela mesma diferença de gols.

Atlético
O Atlético não conquista um título desde maio de 2017, quando superou o Cruzeiro na final do Estadual. Voltar a vencer o Mineiro significa findar o incômodo “jejum”, que perdura durante todo o mandato do presidente Sérgio Sette Câmara, e dar maior tranquilidade ao trabalho do técnico Jorge Sampaoli. O argentino busca a primeira taça desde que chegou ao Brasil, em 2019, para comandar o Santos.

Entre os jogadores, o discurso é de que o troféu estadual pode embalar a equipe numa disputa ainda mais relevante na temporada: o Campeonato Brasileiro. Após cinco rodadas na competição nacional, o Atlético ocupa a terceira colocação. As derrotas nos últimos dois jogos, porém, despertaram questionamentos sobre o desempenho do time.

“Ganhando (o Mineiro), com certeza vai dar uma confiança muito maior para a gente no decorrer do Brasileiro. Estamos vindo de duas derrotas, mas esse título pode mudar tudo, principalmente a confiança dos jogadores de seguir buscando o nosso objetivo também no Campeonato Brasileiro, que é ser campeão”, frisou o lateral-direito Mariano.

Na derrota do último sábado por 1 a 0 para o Internacional, o experiente jogador de 34 anos foi titular pela primeira vez desde que retornou ao Atlético. Mariano, porém, não sabe se terá sequência na equipe. Afinal, o técnico Jorge Sampaoli deve manter a estratégia de fazer modificações na formação entre um jogo e outro.

Para a partida, o Atlético não conta com o meia Nathan e o atacante Diego Tardelli, lesionados. Existe a expectativa pelo aproveitamento de mais jovens formados nas categorias de base, ainda que entrem apenas no decorrer do jogo.

Tombense
Ex-jogador do Flamengo, o volante Ibson é um dos destaques do Tombense (Foto: Victor Souza/Tombense)
Dono da melhor campanha do Campeonato Mineiro, o Tombense avançou à decisão ao derrotar a Caldense nas semifinais. Durante a pausa na competição estadual, o time de Ibson, ex-jogador do Flamengo, atuou três vezes pelo Grupo B da Série C do Brasileiro.

A equipe estreou com derrota por 3 a 0 para o Ituano. Em seguida, goleou o São José-RS por 4 a 0. No último sábado, foi batido pelo Volta Redonda por 2 a 0. Os resultados colocam o Tombense na sétima posição, com três pontos. Os quatro primeiros do grupo avançam ao mata-mata.

Agora, porém, a hora é de voltar todas as atenções à decisão estadual diante do Atlético. O técnico Eugênio Souza reconhece o favoritismo adversário, mas demonstrou confiança na equipe que comanda, especialmente pela boa campanha feita ao longo de todo o Campeonato Mineiro.

“Acredito que o Atlético seja o favorito, mas futebol é um esporte que permite esses confrontos que, às vezes, podem ‘quebrar a bolsa’. A gente acredita no nosso potencial e sabe que o nível do Atlético é outro, a mentalidade do Atlético é outra, a nível nacional. O Atlético tem um grupo de jogadores excelente, principalmente no setor ofensivo, mas nós não chegamos até aqui por acaso”, afirmou, em entrevista ao SporTV.

A tendência é que o treinador mande a campo uma formação parecida com a que atuou nas duas últimas rodadas da Série C. Além de Ibson, outro destaque da campanha do Tombense foi o atacante Rubens, artilheiro do Estadual, com seis gols marcados.

ATLÉTICO X TOMBENSE

Fonte: Super Esportes

Foto: Agência i7/Mineirão

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: