Capa da Página Atlético vai pagar quatro meses de direitos de imagem deste ano só em 2021 - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 15º MIN 21º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

ATLÉTICO MG

Atlético vai pagar quatro meses de direitos de imagem deste ano só em 2021

30/06/2020 às 09:14h

Facebook


O Atlético informou ao elenco que vai repactuar quatro meses de direitos de imagem, com limite de até 40% da folha integral, no decorrer de 2021. A informação publicada pelo site UOL foi confirmada pelo Superesportes.

Além do acerto com os jogadores, a diretoria alvinegra definiu que a comissão técnica de Jorge Sampaoli, o diretor de futebol Alexandre Mattos e outros integrantes do departamento de futebol seguirão com corte de 25% nos vencimentos, conforme as regras da Medida Provisória 936 do Governo Federal.

O Galo quitará os direitos de imagem de junho, julho, agosto e setembro em 2021. As parcelas de abril e maio ainda estão em aberto, assim como o salário na carteira do último mês.

A negociação para pagar quatro meses de direitos de imagem somente em 2021 se dá pela crise econômica provocada pela pandemia do novo coronavírus. Sem jogar há três meses, o Galo deixou de arrecadar com bilheteria, sócio-torcedor, patrocinadores e direitos de transmissão.

Em entrevista à CNN Brasil na manhã desta segunda-feira, o presidente Sérgio Sette Câmara avaliou as dificuldades financeiras de maneira genérica e pediu o retorno do futebolmediante protocolos rigorosos de segurança no combate à COVID-19.

“Me parece que essa é uma atividade importante, o futebol tem que ser visto como um negócio, os clubes precisam voltar, existem muitos empregos no entorno do futebol, o futebol gera riquezas e impostos. Eu acredito que se existe uma atividade hoje que pode voltar dentro dessa flexibilização com segurança é o futebol por conta da rigidez dos protocolos que estamos seguindo”.

Vale lembrar que a MRV e o banco BMG, principais parceiros do Atlético, emprestam dinheiro para a aquisição de direitos econômicos de jogadores. O salários são mantidos com recursos próprios do clube - à exceção de Jorge Sampaoli e seus assistentes, remunerados em parte com o auxílio da construtora.

Fonte: Super Esportes

Foto Bruno Cantini Atlético

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: