Capa da Página Cruzeiro terceiriza departamento jurídico e calcula economia de R$ 1 milhão por ano - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 14º MIN 30º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

CRUZEIRO MG

Cruzeiro terceiriza departamento jurídico e calcula economia de R$ 1 milhão por ano

12/06/2020 às 09:28h

Facebook

O Cruzeiro calcula economia de R$ 1 milhão por ano com a terceirização de seu departamento jurídico. Em live no canal oficial do clube no YouTube, o presidente Sérgio Santos Rodrigues afirmou que as reduções dos custos se devem às rescisões recentemente acertadas com profissionais da área. No dia 25 de maio, ele nomeou o advogado Flávio Boson Gambogi como superintendente da pasta.

“É com muito carinho que trato esse departamento. É a minha origem. Começa com a chegada do Flávio Boson Gambogi, nosso novo superintendente. É uma pessoa fenomenal, com grande experiência na área. Só de STJD teve mais de dez anos. Foi o interventor que a CBF escolheu para a Federação Paraibana de Futebol. Ele é mestre em Direito, doutorando em Direito, são qualidades acadêmicas e práticas que ele tem fora do comum”, disse Sérgio.

“O que está acontecendo agora? A gente reformulou o departamento jurídico do Cruzeiro. E essa reformulação, em um momento tão complicado que o Cruzeiro passa, vai gerar R$ 1 milhão de economia por ano, fazendo as rescisões que foram feitas e agora trabalhando com escritórios parceiros”, acrescentou.

Conforme Santos Rodrigues, os escritórios parceiros do Cruzeiro são Almeida Melo (Direito Tributário), Ariosvaldo Campos Pires (Direito Penal Econômico) e Ferreira e Chagas (Direito Trabalhista). Breno Tannuri, da Tannuri Ribeiro advogados, segue conduzindo a defesa do clube nas ações na Fifa.

“O primeiro deles, que já havia chegado por nossa indicação, é o doutor João Paulo Almeida Melo. O pai dele, desembargador Almeida Melo, foi colega do meu pai, gosto muito dele. Está cuidando da nossa parte tributária e já trouxe efeitos práticos para nós naquela ação do Profut. Hoje caminha junto com a gente. Após ele, trouxemos o doutor Fred Pires, filho do querido Ariosvaldo Campos Pires, um dos maiores criminalistas do Brasil. Será nosso advogado na área criminal e já tem nos ajudado bastante nas visitas à Polícia Civil e ao Ministério Público. E finalmente o escritório Ferreira e Chagas. Mando meu abraço ao Fernando Fraga, que é o sócio do Ferreira e Chagas, ao Davidson Malacco, ao (Hebert) Chimicatti, ao Dr. Vinícius (Barros Rezende), a esses quatro profissionais sensacionais que estão abrindo as portas para a gente”.

Em seu site, o escritório Ferreira e Chagas ressalta a especialização em “soluções jurídicas de contencioso de altos volumes. Por meio de sistemas próprios de inteligência processual, que asseguram um controle preciso de fluxos, processos e dados, garante a seus clientes resultados significativos com qualidade e segurança jurídica”.

O Cruzeiro lida com crescimento exponencial no número de ações trabalhistas, especialmente a partir de 2019, quando houve agravamento da crise financeira e, consequentemente, sucessivos atrasos salariais. Como exemplos, o técnico Mano Menezes pleiteia R$ 5,3 milhões, enquanto o preparador de goleiros Robertinho reclama mais de R$ 5 milhões. Em ambos os casos, a gestão do ex-presidente Wagner Pires de Sá não cumpriu os acordos de rescisão. Ao todo, são 113 processos na Justiça do Trabalho.

Salários

O Cruzeiro programou para esta sexta-feira o pagamento de duas folhas salariais aos jogadores e funcionários do departamento de futebol. Colaboradores do setor administrativo já estavam com suas remunerações em dia. A informação é da Rádio Itatiaia.

Nomeado por Sérgio Santos Rodrigues superintendente de relações institucionais e governamentais do Cruzeiro, o deputado estadual Léo Portela (PR) também confirmou o fim da pendência em publicação no Twitter. “Salário em dia é obrigação. Funcionários e atletas respeitados. É #umnovoCruzeiro”.

Fonte: Super Esportes

Foto: Igor Sales/Cruzeiro

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: