Capa da Página Saiba os cuidados necessários com os idosos durante o isolamento e distanciamento social - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 11º MIN 28º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

26/05/2020 às 08:47h

Saiba os cuidados necessários com os idosos durante o isolamento e distanciamento social

Facebook

A pandemia do novo coronavírus se espalhou pelo mundo e, para conter a disseminação do vírus, uma das principais medidas é o isolamento social, ou seja, as pessoas devem ficar em casa a maior parte do tempo possível. No entanto, o isolamento pode causar algumas consequências negativas na saúde mental, porque as pessoas podem se sentir sozinhas ou mais ansiosas do que o normal.

Essa questão é especialmente importante no caso de pessoas idosas, que são o principal grupo de risco vulnerável a desenvolver complicações pela Covid-19 e, por isso, precisam ficar totalmente isoladas. Em muitos casos, elas sentem falta da interação social e do contato com familiares e amigos, ficando mais tristes e ansiosas.

Para falar sobre o assunto, a reportagem do Jornal da Cidade conversou com o psicólogo e psicanalista Eduardo Andrade. Em entrevista, ele explica como a quarentena pode ser tóxica aos idosos e chama a atenção dos familiares para os cuidados com esses membros da família:

Clique e ouça Eduardo Andrade

Eduardo Andrade destaca o que é possível fazer dentro de casa para entreter e ocupar o tempo dos mais velhos:

Clique e ouça Eduardo Andrade

O psicólogo e psicanalista ressalta ainda as doenças e os riscos que o distanciamento social pode causar nos idosos:

Clique e ouça Eduardo Andrade

As dicas dadas na reportagem podem ser utilizadas tanto por quem mora em uma casa com idosos quanto por quem está distante nesse período. No segundo caso, faça contato com frequência, por meio de chamadas de vídeo, ligações ou mensagens, passe as dicas e informações necessárias, tente tranquilizar o seu ente querido e ajude na medida do possível (fazendo compras para ele no mercado e na farmácia, por exemplo).

O mais importante é passar uma sensação de acolhimento para que a pessoa não se sinta tão sozinha.


Por Henrique Silva com informações do site drauziovarella.com.br

Fotos: Rádio Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: