Capa da Página Trabalhador morre ao fazer limpeza de alto-forno em empresa - - Policial - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 21º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Policial

14/01/2022 às 08:00h

Trabalhador morre ao fazer limpeza de alto-forno em empresa

Facebook

Um trabalhador de aproximadamente de 28 anos morreu nessa quinta-feira (13), ao fazer limpeza de alto-forno de uma empresa na cidade de Betim, distante 60 quilômetros de Pará de Minas. A informação foi repassada pelo Sindicato dos Metalúrgicos.

Segundo a entidade classista, a vítima sofreu um acidente de trabalho enquanto executava atividade proibida. Segundo as denúncias que chegaram ao Sindicato, o trabalhador foi pressionado pela chefia a realizar o procedimento de limpeza de um dreno do alto-forno 4, do setor 2. Vale ressaltar que esse dreno é um ambiente fechado, com alto acúmulo de gás e temperatura elevada o que não permite a entrada de pessoas.

Em nota, o Sindicato informou que se solidariza com a família e já está tomando todas as providências cabíveis em todos órgãos competentes para que as causas da morte sejam verdadeiramente apuradas e os responsáveis sejam punidos. Além disso, a diretoria relembra que acidentes assim não são novidades no histórico da empresa e há muitos anos cobra ações efetivas para evitar que vidas sejam perdidas.

A Polícia Civil investiga o caso. A empresa declarou que o funcionário fazia limpeza padrão com um colega quando esse ouviu a vítima dar um grito e cair inconsciente. O departamento de segurança acionou o SAMU, mas, infelizmente, o funcionário não resistiu.

A empresa ressalta que a limpeza é um procedimento padrão e que o alto-forno estava desligado desde a última segunda-feira, portanto, não era local proibido. O funcionário portava todos os equipamentos de proteção individual, seguindo todas as normas vigentes. A empresa lamenta o acidente e informou que vai dar apoio a família.

Por JC Notícias

Foto: Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: