Capa da Página Bolsonaro confirma Ciro Nogueira na Casa Civil e diz: Eu sou centrão - Destaques - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 12º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Destaques

22/07/2021 às 10:28h

Bolsonaro confirma Ciro Nogueira na Casa Civil e diz: 'Eu sou centrão'

Facebook

O presidente Jair Bolsonaro confirmou na manhã desta quinta-feira, em entrevista à rádio Banda B, de Curitiba, que Ciro Nogueira (PP-PI) será mesmo o novo ministro da Casa Civil. Ele afirmou que fez o convite ao senador e presidente do PP e que o político aceitou.

"A princípio é ele (Ciro Nogueira). Eu conversei com ele já, ele aceitou. Ele está em recesso, chega em Brasília segunda-feira, converso com ele, acertamos os ponteiros. E a gente toca o barco. É uma pessoa que eu conheço há muito tempo, ele chegou em 95 na Câmara, eu cheguei em 91", afirmou o presidente, após dizer que a mudança estava "praticamente certa".

Na mesma entrevista, o presidente também defendeu o centrão e disse que ele mesmo fazia parte do grupo;

"O centrão é um nome pejorativo. Eu sou do centrão. Eu fui do PP metade do meu tempo, fui do PTB, fui do então PFL (hoje DEM), no passado integrei siglas que forma extintas, como o PRB, PPB. O PP lá atrás foi extinto depois nasceu novamente na função do PDS com o PPB se eu não me engano. Agora, nós temos 513 parlamentares. O tal centrão, que eu chamo de pejorativamente disso, são alguns partidos que lá atrás se uniram na campanha do Alckmin e ficou então rotulado centrão como algo pejorativo, danoso à Nação. Não tem nada a ver. Eu nasci de lá. A Tereza Cristina é do PFL, atulmente Democratas. O Onyx Lorenzoni também é do democratas", explicou.

Segundo ele, sem o Centrão seria impossível governar: "O Ciro Nogueira, que deve integrar esse governo, é do centrão. São um pouco mais de 200 pessoas. Se você afastar esse partidos de centro, sobram 300 votos para mim. Você afasta 100 e poucos parlamentares de esquerda, PT, PCdoB e PSOL, eu vou governar com um quinto da Câmara? Não tem como governar com um quinto da Cãmara. Agora, tudo e qualquer partido tem gente boa e tem gente que não tá muito interessada em fazer a coisa certa. Agora. eu tenho, tenho e pretendo dentro das quatro linhas da Constituição, buscar apoio dentro do Parlamento. Então, da minha parte, não tem problema nenhum colocar aí, caso se concretize. Vou conversar com o Ciro Nogueira na segunda-feira, colocar para dentro do governo", disse, afirmando que as reclamam quando ele coloca um militar no governo e agora também reclamam quando ele escolhe um parlamentar.

Fonte: O Tempo

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: