Capa da Página Além da pandemia, reposição sanguínea também é desafio para hemocentros e bancos de sangue - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 14º MIN 32º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

25/02/2021 às 08:30h

Além da pandemia, reposição sanguínea também é desafio para hemocentros e bancos de sangue

Facebook

Captar doadores de sangue tem sido uma tarefa cada vez mais difícil para os hemocentros de todo o Brasil. Além da pandemia, que afastou os voluntários dos postos de coleta, as famílias das pessoas transfundidas não têm cumprido com sua obrigação de repor o estoque que foi utilizado pelos pacientes durante os procedimentos hospitalares.

Em Pará de Minas, essa é uma realidade do banco de sangue do Hospital Nossa Senhora da Conceição, como explica a coordenadora do setor de captação de doadores, Fabíola Nogueira, em entrevista ao Jornal da Cidade:

Clique e ouça Fabíola Nogueira

Fabíola destaca também que os familiares dos pacientes transfundidos que vieram a óbito precisam se conscientizar também quanto a reposição sanguínea:

Clique e ouça Fabíola Nogueira

Para saber mais informações ou se inscrever para doar sangue, ligue para o setor responsável pela captação de doadores no Hospital Nossa Senhora da Conceição. O telefone de contato é o (37) 3233-5461.

Por Henrique Silva

Fotos: Rádio Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: