Capa da Página - Paciente reclama de atendimento no Hospital Nossa Senhora da Conceição - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 16º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

26/10/2020 às 08:00h

Paciente reclama de atendimento no Hospital Nossa Senhora da Conceição

Facebook

Um ouvinte da Rádio Espacial FM procurou o setor de Jornalismo da emissora, através do WhatsApp (37) 99670-0105, para reclamar do atendimento do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC). Segundo Riguens Avila Santos, morador do bairro Santa Edwirges, em Pará de Minas, além de ter sido mal atendido na unidade de saúde, a equipe de enfermagem teria tentado aplicar remédios errados no corpo dele.

O ouvinte relata que após sentir uma grande coceira pelo corpo, procurou o hospital em busca de se curar do problema. Na unidade de saúde, depois de esperar por mais de quatro horas para receber o atendimento, ele foi levado para uma enfermaria, onde sem consulta médica e realização de exames, foi atendido por uma enfermeira que teria tentado aplicar um remédio em seu corpo.

Riguens explica que se sua esposa não tivesse insistido em acompanhá-lo na enfermaria e também questionado o procedimento, a enfermeira teria aplicado o remédio errado em seu corpo, antes de ao menos uma consulta ou realização de exames:

Clique e ouça Riguens Avila

Ainda segundo o ouvinte, posteriormente um médico responsável compareceu a enfermaria, se desculpando pelo equívoco da equipe do hospital:

Clique e ouça Riguens Avila

Após o suposto equívoco, o paciente relata que foi atendido da forma correta, porém indignado com o erro no atendimento, decidiu procurar a reportagem do Jornal da Cidade para expor a situação e alertar os demais pacientes:

Clique e ouça Riguens Avila

Através de nota enviada ao nosso setor de Jornalismo, a direção do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) esclarece que a denúncia foi apurada com rigor e responsabilidade. A Entidade admite que houve uma falha no atendimento, mas assegura que o paciente não seria prejudicado já que faz parte do nosso protocolo padrão a chamada “dupla checagem”. Esse sistema consiste na confirmação de todas as informações do prontuário, seguindo fielmente o passo a passo do atendimento. Desta forma, na ocorrência de eventual falha humana, como nesta situação, ela seria imediatamente percebida, como realmente aconteceu, na transição e evolução do atendimento. Independentemente da acompanhante do referido paciente ter identificado o problema, o mesmo foi apurado no rastreamento do protocolo e prontamente solucionado pela equipe de profissionais que o atendeu.

Esclarecemos também que, desde o início da pandemia de covid-19, o protocolo implementado e amplamente divulgado pelo Hospital Nossa Senhora da Conceição não permite que pacientes entrem acompanhados em suas dependências. O objetivo é evitar aglomeração de pessoas, proteger aqueles que estão se recuperando de alguma doença e também os nossos profissionais. O HNSC possui um Canal de Ouvidoria próprio, e estamos sempre à disposição para averiguar e esclarecer qualquer solicitação, visando sempre a melhoria dos nossos serviços. Por fim, manifestamos nosso compromisso de prestar o melhor atendimento, com transparência e zelo à saúde integral de todos os nossos pacientes, que há 135 anos utilizam nossos serviços”.

Por Sérgio Viana

Fotos: Arquivo Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: