Capa da Página Dupla é presa após degolar homem no centro de Pequi - Policial - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 9º MIN 25º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Policial

29/06/2020 às 09:19h

Dupla é presa após degolar homem no centro de Pequi

Facebook

Dois indivíduos de 24 e 36 anos foram presos na tarde desse domingo (28), após degolar um homem de 37 anos, no centro da cidade de Pequi. De acordo com a Polícia Militar, o crime ocorreu na Praça Primeiro de Maio. O motivo do homicídio seria um atrito entre eles, e os autores usaram uma foice para matar a vítima.

Os militares foram até o local averiguar informações de que havia ocorrido o homicídio, sendo encontrada a vítima, de 37 anos, caída na calçada, já em óbito, com a cabeça degolada.

Testemunhas informaram aos policiais que a vítima fazia uso de bebidas alcoólicas com os autores que se desentenderam, momento em que o autor de 24 anos passou a desferir golpes de foice contra as costas do homem de 37, que caiu no chão, instante em que o agressor de 36 anos teria puxado o corpo e arrastado para o golpe final no seu pescoço, feito com uma foice.

O golpe foi dado pelo autor de 24 anos, que portava o objeto. Após o crime, os autores fugiram do local. Foi montada uma operação, com os militares do Destacamento local, contando com o reforço de policiais de Pará de Minas e de cidades vizinhas, como de São José da Varginha e Maravilhas, para encontrar os suspeitos do homicídio.

Durante o rastreamento, ambos autores foram encontrados. O homem de 36 anos estava em sua casa, no perímetro urbano, o qual relatou que estava consumindo bebida alcoólica junto com o outro autor de 24 anos e a vítima. Em determinado momento, saiu para buscar mais bebidas e ao voltar se deparou com a vítima já morta.

O autor de 24 anos foi encontrado em uma casa de máquinas que retira água do poço de uma fazenda, com a foice ao seu lado e uma blusa, ambas com manchas de sangue. Ele admitiu a autoria do homicídio, dizendo que estava consumindo bebidas com a vítima e que os dois se desentenderam em determinado momento.

Segundo ele, a vítima tentou pegar sua bebida, o xingou, e com isso, se sentiu menosprezado e intimidado, uma vez que o homem de 37 anos portava uma faca.

O autor contou que foi em casa, buscou a foice, retornando ao local, ocorrendo as agressões contra a vítima, que culminaram no seu homicídio. Com ele foi encontrada ainda, uma bucha de maconha.

A Perícia da Polícia Civil fez seus trabalhos no local e não encontrou nenhuma faca com a vítima ou próxima do corpo. Os dois autores, de 24 e 36 anos foram presos e encaminhados à Delegacia, com os materiais apreendidos.

O autor de 24 anos tem passagens policiais por furto, disparo de arma de fogo, uso de drogas, dentre outras. A vítima também tinha passagens policiais por roubo e tráfico de drogas, dentre outras.

Por Sérgio Viana

Foto: PMMG


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: