Capa da Página PC conclui investigação e indicia homem que matou e esquartejou a mãe - - Policial - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 16º MIN 23º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Policial

12/09/2020 às 08:50h

PC conclui investigação e indicia homem que matou e esquartejou a mãe

Facebook

Com a conclusão do inquérito policial, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) indiciou por homicídio qualificado e ocultação de cadáver o homem, de 30 anos, que matou a própria mãe, de 52, em Santa Luzia, Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). O crime ocorreu na noite do dia 25 para 26 de julho, no bairro Londrina. Segundo apurado, após matar e esquartejar a mulher, o filho acondicionou as partes do corpo em bolsas, malas e sacolas, limpou o local dos fatos e descartou as embalagens na rua.

Na ocasião, o homem foi preso em flagrante e permanece, até o momento, no Sistema Prisional. A Delegada Adriana das Neves Rosa, titular da Delegacia Especializada de Homicídios em Santa Luzia, contou que durante as investigações chegou à polícia a informação de que o suspeito sofreria de um possível distúrbio psiquiátrico. Foi solicitado um exame de sanidade mental.

O resultado do laudo de sanidade metal não interfere na condução das investigações. As apurações foram concluídas e o suspeito irá a julgamento. A Delegada Regional Ana Paula Gontijo explica que, nesses casos, a pena é substituída por medida de segurança. A diferença de uma pena restritiva de liberdade para a aplicação de uma medida dessas é que a primeira tem um quanto – 10, 20, 30 anos – e uma progressão de regime nesse total. Já a medida de segurança não tem tempo certo e é avaliada periodicamente. O inquérito policial já foi encaminhado pela PCMG à Justiça.

Por Sérgio Viana

Foto: Rádio Espacial FM / Divulgação


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: