Capa da Página Novos BMW M3 e M4 chegam com até 510 cv de potência e câmbio manual - Veículos - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 15º MIN 21º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Veículos

29/09/2020 às 08:30h

Novos BMW M3 e M4 chegam com até 510 cv de potência e câmbio manual

Facebook

A BMW revelou as novas gerações de M3 e M4, que chegarão ao mercado europeu em 2021 com uma diversificada gama de configurações entre motor e câmbio - entre elas, a oferta de transmissão manual. O visual dos esportivos, por sua vez, promete causar polêmica.

Tanto o sedã M3 (em verde nas imagens), quanto o cupê M4 (de cor amarela), terão 3 versões diferentes cada, todas equipadas com um motor 3.0 biturbo de 6 cilindros em linha.

A primeira terá 480 cavalos de potência, 56,1 kgfm de torque, câmbio manual de 6 marchas e tração traseira. Com esse conjunto, os modelos vão de 0 a 100 km/h em 4,2 segundos. Segundo a marca, a transmissão manual é 22 kg mais leve do que a automática.

A segunda, Competition, terá 510 cv de potência, 66,3 kgfm de torque, câmbio automático de 8 marchas e tração traseira, e irá de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos. Posteriormente, uma terceira configuração adicionará à Competition a tração integral.

Os esportivos serão equipados com suspensão esportiva M adaptativa, com amortecedores controlados eletronicamente, além de sistemas de frenagem com discos dianteiros de 380 mm e traseiros de 370 mm.

Como opcionais, estarão disponíveis os freios de cerâmica com discos de 400 mm na dianteira e 380 mm na traseira.

De acordo com a BMW, o controle de tração oferece um ajuste de sensibilidade de subesterço e sobresterço em 10 estágios diferentes.


Ousadia no visual
Se a mecânica e os números dos novos M3 e M4 enchem os olhos de qualquer um, o desenho deverá dividir opiniões. Isso porque a BMW investiu na versão mais moderna do "duplo rim", que vai do capô até a parte inferior do para-choque.

A nova grade era esperada para o M4, uma vez que ela já está nas versões convencionais do Série 4. No M3, porém, a dianteira não guarda nenhuma semelhança com as demais versões do Série 3.

O teto dos esportivos é de fibra de carbono sem pintura, enquanto as rodas de liga leve são forjadas.

O interior do modelo pode ser personalizado ao gosto do comprador, misturando cores e materiais. Nas imagens, o interior de tons de preto e marrom são do sedã M3, enquanto o que mistura azul e amarelo é do cupê M4.

Entre os equipamentos de série estão o quadro de instrumentos digital com tela de 12,3 polegadas, central multimídia com tela de 10,25 polegadas, Android Auto e Apple CarPlay (este último com conexão sem fio), e comandos de voz.

Fonte: G1

Foto: Divulgação/BMW

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: