Capa da Página Serra do Cipó fecha pousadas e comércio após aumento de casos de Covid-19 - Destaques - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 17º MIN 36º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Destaques

05/08/2020 às 10:11h

Serra do Cipó fecha pousadas e comércio após aumento de casos de Covid-19

Facebook

As pousadas do distrito da Serra do Cipó, um dos principais pontos turísticos de Minas Gerais, na região Central do Estado, não poderão receber hóspedes a partir desta segunda-feira (3). A proibição consta em decreto publicado no domingo (2) pela Prefeitura de Santana do Riacho.

Após a confirmação de nove casos de Covid-19 no município em menos de uma semana, o Executivo local recuou na proposta de flexibilização que vigorava desde 10 de junho, quando a rede hoteleira e o comércio voltaram a funcionar com metade de sua capacidade.

"O propósito é tentar frear o aumento da contaminação e avaliar a situação nas próximas semanas", observa Priscila Rios Martins, secretária de Turismo de Santana do Riacho. Ela frisa que "não há relação direta, a princípio, entre a flexibilização e o aparecimento de casos", ressaltando que as primeira snotificações da doença só surgiram após 50 dias da reabetura parcial dos estabelecimentos no setor turístico.

O decreto da prefeitura explica que o limite de 50 casos para cada 100 mil habitantes foi ultrapassado, razão para voltar a fechar pousadas e todas as outras atividades não essenciais no município.

A decisão é válida até 20 de agosto, quando haverá uma nova avaliação da pandemia na cidade. As reservas já feitas na rede hoteleira devem ser canceladas ou remarcadas.

 "Em caso de reserva em curso nos meios de hospedagem, ficam respeitadas as estadias até o respectivo vencimento. Assim, os estabelecimentos de hospedagem não poderão prorrogar as estadias além do que já contratado pelo hóspede que ali esteja hospedado", informa o decreto.

O documento também determina a todos os fiscais municipais, com o apoio da Polícia Militar (PM), a aplicarem multas às pessoas que descumprirem as medidas de combate à pandemia.

A prefeitura estabeleceu ainda que, a partir de 21 de agosto, Santana do Riacho adotará o plano Minas Consciente, do governo estadual, em sua integralidade.

Fonte: Hoje em Dia
Foto: Hoje em Dia


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: