Capa da Página Bahia x Atlético: prováveis escalações do jogo pela Copa do Brasil - Esporte - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 17º MIN 32º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Esporte

04/08/2021 às 13:38h

Bahia x Atlético: prováveis escalações do jogo pela Copa do Brasil

Facebook

O Atlético encerra nesta quarta-feira (4), diante do Bahia, no Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana, no interior baiano, o 24º mata-mata contra uma equipe nordestina na Copa do Brasil buscando muito mais que a sua 19ª classificação. O Galo tenta mostrar, mais uma vez, que a última atuação na região, pelo torneio, apesar de ter sido há menos de um ano e meio, é um passado distante na história do clube.

Em 26 de fevereiro de 2020, pela segunda fase da Copa do Brasil, ainda disputada em jogo único, o Atlético empatou por 2 a 2 com o Afogados (PE), no Estádio Vianão, em Ingazeira, e foi eliminado nos pênaltis, com a derrota por 7 a 6.

O vexame provocou a queda do técnico venezuelano Rafael Dudamel, com Jorge Sampaoli sendo contratado para o seu lugar. Além disso, os chamados 4Rs investiram alto na formação de um grupo de jogadores de qualidade, com o Galo sendo terceiro colocado no Brasileirão de 2020, com apenas três pontos a menos que o campeão Flamengo. Nesta temporada, o projeto segue ainda mais forte, com reforços como Hulk e Nacho Fernández, e sob o comando de Cuca.

Como venceu a partida de ida, na última quarta-feira (28), no Mineirão, por 2 a 0, o time comandado por Cuca avanças às quartas de final da segunda competição nacional até com derrota por um gol de diferença. Se o Bahia vencer por dois tentos de vantagem, força a decisão por pênaltis. A partida será em Feira de Santana porque o tricolor baiano cumpre suspensão de perda de mando de campo imposta pelo STJD por causa de confusão na decisão da Copa do Nordeste.

História

Os confrontos do Atlético contra equipes do Nordeste na Copa do Brasil começaram logo na primeira edição, em 1989, com o Galo passando pelo América-RN, na primeira fase, e pelo Náutico-PE, nas oitavas.

Em 1991, a maior goleada da história do torneio foi alcançada com um placar de 11 a 0 sobre o Caiçara-PI, no Estádio Independência, com show do centroavante Gérson, autor de cinco gols, um recorde alvinegro numa única partida pelo torneio.

Nos 23 confrontos anteriores com nordestinos, o Atlético só foi eliminado cinco vezes. E a primeira queda aconteceu diante do Bahia, adversário desta quarta-feira, na segunda fase de 1999.

Os outros algozes foram o Sport-PE, nas quartas de 2003, mesma fase da queda diante do Ceará, em 2005. O Vitória-BA levou a melhor nas oitavas de 2009 e no ano passado, o Afogados-PE provocou a quinta eliminação.

Escrita

Pela oitava vez o Atlético encara um adversário do Nordeste nas oitavas de final da Copa do Brasil. E nas seis vezes anteriores, a única eliminação foi diante do Vitória, em 2009. O Galo se classificou nesta etapa em cima de Náutico (2003), Vitória (1995), Náutico (2003), Fortaleza (2006), Náutico (2008) e Sport (2010).

O classificado do confronto entre Atlético e Bahia conhece na próxima sexta-feira (6), em sorteio que será realizado na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro, o adversário nas quartas de final.

Bahia x Atlético

Bahia: Matheus Teixeira; Nino Paraíba, Conti, Ligger e Juninho Capixaba; Edson, Patrick de Lucca e Thonny Anderson; Rossi, Rodriguinho e Gilberto. Técnico: Dado Cavalcanti

Atlético: Everson; Mariano, Réver, Junior Alonso e Dodô; Allan, Jair (Hyoran) e Tchê Tchê; Savarino, Sasha (Nacho) e Hulk. Técnico: Cuca

Motivo: jogo de volta – oitavas de final da Copa do Brasil
Data: 4 de agosto de 2021, quarta-feira, às 21h30
Local: Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana (BA)

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
VAR: José Claudio Rocha Filho (SP)

Fonte: Itatiaia

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: