Capa da Página CEMIG alerta para alta incidência de raios em Minas; saiba como proteger a si mesmo e equipamentos eletrônicos - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 15º MIN 29º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

08/03/2021 às 08:43h

CEMIG alerta para alta incidência de raios em Minas; saiba como proteger a si mesmo e equipamentos eletrônicos

Facebook

Minas Gerais é um dos estados com a maior incidência de raios do Brasil. Desde o início deste ano, o estado registrou mortes causadas por descargas atmosféricas, tanto em área rural quanto urbana. Por isso, é muito importante que a população esteja atenta para evitar acidentes – que podem ser fatais – e também proteja equipamentos eletrônicos, que podem ser danificados durantes as tempestades.

Outro ponto de atenção muito importante é que durante tempestades com raios em áreas rurais, é ideal que as pessoas busquem um abrigo que não seja embaixo de árvores ou postes, que podem atrair a descargas atmosféricas devido à sua altura, e como consequência eletrocutar as pessoas que estejam próximas.

Marcos Alcídes de Lima, técnico de segurança da Cemig, em entrevista ao Jornal da Cidade explica como as pessoas devem proceder para protegerem a si mesmas e, também, os equipamentos eletrônicos:

Clique e ouça Marcos Lima

Marcos ressalta como agir durante chuvas fortes, em que fios e galhos de árvores podem se partir:

Clique e ouça Marcos Lima

As características geográficas e meteorológicas de Minas Gerais são os motivos para a grande incidência de descargas atmosféricas no estado. De acordo com o Centro de Meteorologia da Cemig, as regiões do estado mais atingidas – como Sul de Minas, Zona da Mata, Centro-Oeste e Região Metropolitana de Belo Horizonte – estão sob o efeito de fenômenos meteorológicos como frentes frias e linhas de instabilidades.

Para solicitar serviços ou saber mais informações, acione a Cemig pelo 116.

Por Henrique Silva

Fotos: CEMIG – Divulgação


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: