Capa da Página Novela sem fim: Sindicato cobra da Prefeitura o projeto de recomposição salarial dos servidores públicos de Pará de Minas - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 6º MIN 24º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

14/06/2021 às 08:10h

Novela sem fim: Sindicato cobra da Prefeitura o projeto de recomposição salarial dos servidores públicos de Pará de Minas

Facebook

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Pará de Minas voltou a cobrar da Prefeitura o Projeto de Lei que trata da recomposição salarial dos trabalhadores ano-base 2021. A matéria chegou a ser protocolada no início do ano pelo prefeito Elias Diniz (PSD), na Câmara Municipal, porém foi retirada dias depois, pois segundo o chefe do executivo, necessitava de novos estudos e possíveis mudanças.

O Projeto de Lei tinha o objetivo de conceder recomposição salarial não somente ao funcionalismo público, mas também a secretários, vice-prefeito e prefeito. O reajuste seria de 4,52%, retroativo ao mês de janeiro, porém até o momento a matéria não retornou para a Câmara Municipal.

A demora não agrada os servidores e nem o sindicato da categoria, tendo em vista que chegando ao 7º mês de 2021, o salário do funcionalismo continua o mesmo de 2020. Em entrevista ao Jornal da Cidade, a presidente da entidade classista, Tânia Valeriano Chaves Leite cobra novamente a recomposição salarial dos trabalhadores e critica o prefeito:

Clique e ouça Tânia Valeriano

A sindicalista acredita que o prefeito deveria respeitar o servidor público, principalmente neste momento de pandemia:

Clique e ouça Tânia Valeriano

Tânia afirma que a Constituição Federal garante a recomposição salarial dos servidores:

Clique e ouça Tânia Valeriano

O prefeito Elias Diniz informou na última semana que aguarda um posicionamento federal para enviar o projeto de recomposição a Câmara Municipal. Ele teme que o texto esbarre nas restrições impostas pela Lei Complementar 173, que proíbe reajustes nas esferas públicas até o final do ano.

Por Kelvin Fernandes

Fotos: Arquivo Espacial FM


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: