Capa da Página Saiba aderir ao Pix, a nova modalidade de transferência bancária criada pelo Banco Central - - Notícias - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 18º MIN 31º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias

24/11/2020 às 08:40h

Saiba aderir ao Pix, a nova modalidade de transferência bancária criada pelo Banco Central

Facebook

O Pix é um novo meio de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central, e se torna uma nova opção ao lado de TED, DOC e cartões para pessoas e empresas fazerem transferências de valores, realizarem ou receberem pagamentos.

Com o Pix, as pessoas e empresas poderão fazer essas transações em menos de 10 segundos, usando apenas aplicativos de celular. A medida, criada pelo Banco Central, será operada pelas instituições financeiras do Brasil e os clientes já podem cadastrar suas chaves Pix nos respectivos internet bankings.

Em entrevista ao Jornal da Cidade, Antônio Carlos Marinho, responsável pelo cadastramento da chave Pix no Sicoob Ascicred, explica como funciona a nova plataforma de transferência bancária:

Clique e ouça Antônio Carlos Marinho

Antônio Carlos destaca os procedimentos de segurança para o cadastro do Pix e se haverá custo para quem realiza transações bancárias:

Clique e ouça Antônio Carlos Marinho

Na hora de fazer uma transação – como pagamento ou envio de dinheiro -, o Pix vai aparecer no aplicativo como uma das opções para concluir a operação, ao lado da TED ou DOC, por exemplo. Basta escolher o Pix que a operação será feita por essa modalidade.

Em caso de dúvidas, entre em contato com a instituição financeira a qual você possui conta e converse com seu gerente. Se houver ligações suspeitas ou ofertas de credenciamento da chave Pix por telefone, certifique-se de que realmente se trata de algo relacionado à sua conta e nunca passe dados para desconhecidos.

Por Henrique Silva

Fotos: Rádio Espacial FM | Banco Central


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: