Capa da Página Homem é vítima de golpe por aplicativo de celular em Pará de Minas - - Policial - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 6º MIN 25º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Policial

06/07/2020 às 08:34h

Homem é vítima de golpe por aplicativo de celular em Pará de Minas

Facebook

No final da manhã do último sábado (4), no Ponto de Registro de Ocorrências da Praça Torquato de Almeida, no centro de Pará de Minas, a Polícia Militar foi acionada por um homem de 29 anos, o qual relatou que foi vítima de estelionato.

De acordo com ele, na última quinta-feira (2), recebeu mensagens via aplicativo do WhatsApp, pelo celular, de um número com código DDD 031, constando foto de seu irmão no perfil do contato.

O autor das mensagens se identificando como irmão da vítima, solicitava que ela fizesse depósitos bancários para terceiros, alegando que não estava conseguindo fazer as operações pelo aplicativo do banco.

Ainda segundo a vítima, o autor, que conversou com ela através de mensagens, lhe disse que depois de resolvido o problema do aplicativo do banco, lhe devolveria as quantias a serem transferidas para seus credores.

Acrescentou ainda a vítima, que crendo se tratar de fato do seu irmão, fez 9 depósitos para contas indicadas, em um total de R$18.520,00.

A vítima só tomou conhecimento de que havia caído em um golpe, quando posteriormente seu próprio irmão, o mesmo da foto de perfil do contato, lhe telefonou dizendo que tentaram aplicar a mesma fraude com ele, solicitando os depósitos através de um número do mesmo aplicativo que trazia a foto da vítima para tentar lhe ludibriar.

A vítima foi orientada quanto às demais providências, como comunicar a agência bancária para as medidas cabíveis, além da Delegacia de Polícia.

A PM alerta à população quanto a este e outros golpes através de ligações telefônicas ou mensagens de redes sociais. Deve-se evitar fazer qualquer depósito ou passar dados pessoais, antes de fazer a checagem das pessoas e das informações repassadas em contatos deste tipo, procurando-se cruzar os dados. Em casos de suspeição a Polícia Militar deve ser acionada imediatamente, pelo telefone 190.

Por Sérgio Viana

Foto: Rádio Espacial FM / Divulgação


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: