Capa da Página - Após 24 H caída, idosa é resgatada em cisterna em Nova Serrana - Policial - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 8º MIN 22º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Policial

12/02/2020 às 09:22h

Após 24 H caída, idosa é resgatada em cisterna em Nova Serrana

Facebook

Uma idosa de 76 anos foi resgatada, nessa terça-feira (11), após cair em uma cisterna desativada de aproximadamente seis metros de profundidade, dentro da própria casa, no Bairro Marisa, em Nova Serrana.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima andava pelo quintal da residência na Rua Guajajaras quando foi surpreendida com o rompimento da tampa da cisterna e acabou caindo no local.

A queda ocorreu por volta das 11h de segunda-feira (10), contudo os pedidos de socorro da idosa só foram ouvidos por um vizinho por volta das 11h48 desta terça.

O resgate

Os bombeiros verificaram que a cisterna estava seca e tinha cerca de seis metros de profundidade. Dois militares desceram pelo reservatório utilizando um tripé e realizaram os primeiros atendimentos e avaliação clínica da idosa. Outros dois bombeiros estavam preparados para qualquer intervenção de emergência.

Conforme os bombeiros, a idosa não tinha sinais aparentes de fraturas, tinha apenas escoriações leves nos membros. Ela foi imobilizada e içada da cisterna, estando consciente e orientada durante o resgate.

Fora do reservatório a idosa foi novamente avaliada e afirmou que não ter perdido a consciência com a queda no dia anterior. Mesmo com o bom estado de consciência e poucas escoriações, a idosa apresentava fadiga por ter enfrentado a chuva intensa que atingiu a cidade durante a noite de segunda-feira.

A vítima foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Nova Serrana e foi atendida pela equipe médica da unidade. Como não houve a divulgação do nome da vítima, não foi possível saber seu atual estado de saúde. Vale ressaltar que seis bombeiros participaram do resgate.

Por Henrique Silva


Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: