Capa da Página Corpo de Bombeiros promove primeira mulher por resgate heroico após 109 anos - Destaques - JC Notícias Capa da Página

Icone previsão PARÁ DE MINAS - 17º MIN 24º MAX

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades

Icone IconeNotícias - Destaques

26/12/2020 às 08:17h

Corpo de Bombeiros promove primeira mulher por resgate heroico após 109 anos

Facebook

A cidade de Raposos, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi uma das mais afetadas pela chuva do início do ano. As ruas foram tomadas pela água. E foi neste cenário que a sargento do Corpo de Bombeiros Annie Caroline Arcanjo, de 29 anos, arriscou a própria vida para salvar seis pessoas que ficaram ilhadas no terraço de uma casa.

A atitude heroica foi reconhecida e ela se tornou a primeira mulher, após 109 anos de história da corporação, a ser promovida por ato de bravura. Esse tipo de reconhecimento acontece cerca de duas vezes por ano para os 6 mil integrantes dos bombeiros.

No dia 24 de janeiro, uma tempestade atingiu a cidade. O nível do Rio das Velhas subiu cerca de quatro metros. Casas e árvores foram encobertas pela água. O Ribeirão do Prata também transbordou e surpreendeu os moradores, que tiveram que sair de casa por causa da enchente.

A militar que estava de folga utilizou um colchão inflável para salvar as pessoas, entre elas uma que estava acamada e outra em cadeira de rodas.

O comunicado oficial da promoção será no dia 25, mas a promoção é retroativa. Annie se tornou Sargento no dia 24 de janeiro, no momento em que se arriscou e cumpriu o chamado de salvar vidas.

“A atuação de Annie reverbera o pioneirismo feminino e a conquista das mulheres por espaços cada vez mais importantes no enfrentamento ao sexismo e outros desafios a serem superados nos diversos âmbitos sociais. Essa promoção é necessária e urgente, objetivando uma sociedade mais justa e igualitária”, disse a corporação em nota.

Fonte: G1

Foto: Reprodução TV Globo

Galeria de fotos

Clique nas imagens para ampliar: